terça-feira, 27 de maio de 2008

"Acredito primeiro em Deus e depois em Amin Kontar"

Ainda bem cedo fomos fazer uma visita ao túmulo de Amin Kontar. Palazzo, meu irmão Marcos Moura e eu.

Tiramos várias fotos, e com as próprias mãos limpamos a sepultura do santo.

Encontramos no local muitas cartas com pedidos dirigidos a Amin Kontar. Anel, brinco, cabelo, cadarço de sapato, velas, flores, tudo tinha lá.

São as promessas que o povo faz. Amim Kontar é um santo forte.

Numa das cartas, vários pedidos nobres. Começava assim: "eu acredito primeiro em Deus e depois em Amin Kontar".

A autora da missiva pedia ao santo que a ajudasse a aprender a ler e a escrever melhor, a dominar todas as matérias do ensino médio e a ter de volta o amor que perdeu.

E terminava a súplica repetindo: "acredito primeiro em Deus e depois em Amim Kontar."
As outras cartas continham pedidos diversos, desde possuir uma máquina fotográfica até a quitação de débitos.

Fiquei muito emocionado em reecontrar o túmulo de Amin. Quando criança, sempre que ia ao cemitério fazia uma visita a ele. Ouvia várias histórias a seu respeito e hoje, graças a Deus, tenho o privilégio de recontá-las.

Um comentário:

Isaac Melo disse...

Caro Sanderson,
Tenho grande estima por aqueles que resgatam nossa história e colocam no devido lugar aqueles que muitas vezes passam despercebidos por nós.
Parabéns pela seriedade e trabalho que tens desenvolvido por meio de seu blog.
Fraternalmente,
Isaac Melo
do blog Alma Acreana