segunda-feira, 19 de abril de 2010

Qualidade e quantidade na advocacia

Muito se ouve falar que a época dos pequenos escritórios está chegando ao fim, que não tem mais espaço para a advocacia individual, que a advocacia familiar é coisa do passado.

Para quem acha que isso é coisa pretérita aí vai um exemplo atual tirado do livro de Técio Lins e Silva, O que é ser advogado:

"No Brasil, há escritórios de advocacia com até trezentos advogados. Nos Estados Unidos, onde esse número pode chegar a mais de oitocentos, um escritório com cem advogados é um escritório pequeno. Entretanto, o escritório de advocacia criminal norte-americano com maior prestígio talvez seja o de Robert Shafiro, que só tem ele, e mais ninguém. Quando Shafiro é contratado para uma causa grande, ele subcontrata outros profissionais, monta uma equipe e fica trabalhando somente naquela causa."

A grandeza de um escritório não está na quantidade de seus membros, mas na qualidade dos serviços que presta.

2 comentários:

joanadarcativistadh disse...

Competentíssimo Sanderson Moura,
COLEGA Com Letra Maiúscula ! ! !
Simples Como Dizer 'Bom Dia, Boa
Tarde e/ou Boa Noite!' Simples
Assim 'TODOS COMPREENDEM' !
Brande Abraço e Sucesso Sempre!
Luz Ao Iluminado Causídico,
JOANA D'ARC VALENTE SANTANA

Sanderson Silva de Moura disse...

Olá Joana D´arc, nome forte.

Grato pelas suas palavras.

Que Deus também ilumine o seu caminho!

Sanderson Moura